0 Comments

A tia e a barraquinha ainda estão lá!

Quero compartilhar uma história com você que causa muito impacto nas pessoas e tem feito muitas delas refletir sobre suas vidas.

Aqui vai!

Me lembro de minha alegria quando eu passei no meu primeiro vestibular... 

Era para o curso de Contabilidade, mas logo depois fiquei sabendo que a mesma faculdade abriria o curso de Administração e pensei:

 - Que beleza! Assim que abrir vou me transferir de curso pois quero ter meu próprio negócio e acredito que Administração de empresas será melhor pra mim...

Era o ano de 1998...

Bem... Pelas regras da Faculdade (e do MEC) não era possivel a transferência e tive que fazer outro vestibular e"jogar fora" um semestre de estudos. Sem problemas! 
Passei novamente e comecei a cursar.

Numa das esquinas perto da entrada da faculdade ficava uma barraquinha de revistas, jornais e coisinhas pra comer (balas, chicletes, chocolates...). Era pequenininha, de mais ou menos 2 metros de largura por 1,5 de profundidade. 

Nesta barraquinha ficava a "tia", de presumíveis 60 anos de idade. Magrinha, fisionomia cansada e o olhar sempre distante... Ficava lá o dia todo e nem sei como conseguia!

Neste lugar fica uma rua com lojas de materiais de informática de um lado e do outro e sempre vou lá quando preciso comprar algo do gênero e, adivinhe? A tia e a barraquinh a ainda estão lá!

Quase 14 anos depois, exatamente a mesma situação!

Desta última vez fiquei me perguntando: é com isso que sonhamos? Ver os anos passarem e dedicar nossas melhores horas do dia a ficar vendo a mesma paisagem, sem nada nunca mudar?

Encontrei a saída.

Me lembrei de como iniciei minha busca pela independência em 2007 para, justamente, ser dono do meu tempo e determinar quanto eu queria ganhar, e não vender minhas melhores horas do dia para alguém que iria ditar o preço pelo meu trabalho.

Não é isso que você também está procurando? Sua independência?

Não seria ótimo se você pudesse pagar todas as sua contas no começo do mês e ainda sobrar dinheiro? Não seria ótimo se, além disso, você não dependesse do  "aumento do Governo" e você mesmo determinasse quando você quer ganhar?

Encontrei a saída. 

Não entrei no curso de Administração para ser empregado, mas sim para entender de negócios e quando surgisse a minha oportunidade eu soubesse como aproveitá-la. E aproveitei muito bem! rsrs

O engraçado é que você não precisa ser um Administrador de Empresas como eu para mudar radicalmente a sua vida. Basta encontrar a oportunidade certa e estar disposto a trabalhar por você e pela sua família!

P.S.: Clique aqui e deixe seu email para que eu monte um plano personalizado para você poder ganhar R$ 2.500,00 por mês, trabalhando 2 horas por dia durante 10 dias.

P.P.S: Se já se registrou no link acima, entre aqui e faça sua inscrição para começarmos a trabalhar ainda hoje. 

# 5 – São Determinados e Dinâmicos

Eles implementam suas ações com total comprometimento. Atropelam as adversidades, ultrapassando obstáculos, com uma vontade inigualável de “fazer acontecer”. Mantêm-se sempre dinâmicos e cultivam um certo inconformismo diante da rotina.

Para a maioria das pessoas, as boas idéias são daqueles que as veem primeiro, por sorte ou acaso. Para os visionários (empreendedores) as boas idéias são geradas daquilo que todos conseguem ver, mas não identificaram algo prático, por meio de dados e informações. O empreendedor é um exímio identificador de oportunidades, sendo um indivíduo curioso e atento às informações.

Característica #3: São Indivíduos Que Fazem a Diferença.

Os empreendedores transformam algo de difícil definição, uma idéia abstrata, em algo concreto, que funciona, transformando o que é possível em realidade (Kao, 1989; Kets de Vries, 1997). Sabem agregar valor aos serviços e produtos que colocam no mercado.

  • Categories
  • Recent Posts